Expresso News

[expresso-news] [twocolumns]

Colunistas

[colunistas][bleft]

Entrevistas

[entrevistas] [twocolumns]

Economia

[economia] [bsummary]

Várias mulheres assediadas em Berlim no Réveillon. "Zona Segura" foi um fracasso.

Resultado de imagem para berlim alemanha reveillon

A "zona segura" construída em Berlim para mulheres, não impediu ataques sexuais durante as celebrações de Ano Novo na cidade.

Neste momento, pelo menos 13 casos foram reportados para a polícia e sete suspeitos foram presos na capital alemã. A polícia se recusou a fornecer informações sobre a etnia ou a nacionalidade dos perpetradores.

A "zona" especial para as mulheres assediadas ou sexualmente abusadas foi mal visitada. Apenas quatro mulheres se refugiaram nas tendas da Cruz Vermelha da área com profissionais de saúde e seguranças.

Berlim não foi à única cidade que mulheres foram abusadas no Réveillon, vários casos estão sendo relatados em todo o país.

É bom lembrar que a Alemanha, sob a liderança da chanceler Angela Merkel, aceitou um número recorde de imigrantes do Oriente Médio e da África do Norte em 2015. Desde a decisão do governo, os alemães observam um enorme aumento do crime cometido por estrangeiros.

A informação é do Voice of Europe.


Nenhum comentário:

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

http://www.ocongressista.com.br/