Expresso News

[expresso-news] [twocolumns]

Colunistas

[colunistas][bleft]

Entrevistas

[entrevistas] [twocolumns]

Economia

[economia] [bsummary]

Trump cortou mais regulações que prometeu em 2017

Resultado de imagem para trump

Donald Trump conseguiu ir além de uma promessa de campanha. Ele cortou 22 regulações para cada nova criada. O seu governo criou somente três regulações, quando eliminou 67. Durante a sua campanha, ele prometeu cortas duas regras criadas para uma nova criada.

"Nos primeiros onze meses, cancelamos ou atrasamos mais de 1.500 ações regulatórias planejadas, mais do que qualquer presidente anterior, de longe", disse Trump. "E você vê os resultados, quando você olha para o mercado de ações, os resultados das empresas e quando você vê as empresas voltarem para o nosso país". 

"Em vez de eliminar dois regulamentos antigos para cada novo regulamento, eliminamos 22", afirmou. "Vinte e dois. Essa é uma grande diferença. Nós apontamos para 2 para 1, e em 2017, atingimos 22-1".

Um funcionário sênior disse que os movimentos desreguladores da administração foram tomados de forma cuidadosa e consciente e economizaram 8,1 bilhões de dólares em custos normais de controle de vida.

O corte nos regulamentos é um contraste impressionante com a administração Obama, que impôs um recorde de 600 regulamentos, somando regras que custam a economia 100 milhões de dólares.

A administração Trump retirou ou atrasou 1.579 ações regulatórias. Isso inclui 635 regulamentos que foram retirados, 244 regulamentos que ficaram inativos e 700 regulamentos atrasados.

No ano fiscal de 2018, as agências e os departamentos comprometeram-se a cortar 9,8 bilhões de dólares nos custos que a regulações trazem, economizando 686,6 milhões de dólares ao ano.

A informação é do The Washington Free Beacon

Nenhum comentário:

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

http://www.ocongressista.com.br/