Expresso News

[expresso-news] [twocolumns]

Colunistas

[colunistas][bleft]

Entrevistas

[entrevistas] [twocolumns]

Economia

[economia] [bsummary]

Mais países podem mover suas embaixadas para Jerusalém

Resultado de imagem para netanyahu

Nesta semana, o presidente da Guatemala anunciou que moverá a sua embaixada para Jerusalém após conversas com o primeiro-ministro de Israel. E o país parece não ser o único.

A Romênia e a Eslováquia estão em movimentação para também mudar suas embaixadas de local. O Paraguai e o Togo deverão seguir o mesmo caminho.

Espera-se também que Honduras siga o mesmo movimento. O país e Israel são parceiros de longa data na luta contra o crime organizado na América Latina.

A República Tcheca e a Rússia não se comprometeram a mover suas embaixadas, porém, mas já anunciaram que reconhecem Jerusalém Ocidental como a capital de Israel.

Diversos países já colocaram suas embaixadas em Jerusalém. Guatemala, Bolívia, Chile, El Salvador, Colômbia, Costa Rica, República Dominicana, Equador, Venezuela, Haiti, Holanda, Panamá e Uruguai já colocaram seus estabelecimentos na cidade.

Porém, após os israelenses declarem Jerusalém como a sua capital eterna e indivisível em 1980, a ONU os exortou a retirar suas embaixadas da cidade e coloca-las em Tel Aviv.

A informação é do Daily Wire

Nenhum comentário:

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

http://www.ocongressista.com.br/