Expresso News

[expresso-news] [twocolumns]

Colunistas

[colunistas][bleft]

Entrevistas

[entrevistas] [twocolumns]

Economia

[economia] [bsummary]

Hillary Clinton pode ter vendido urânio a Rússia após convidar Putin para jantar


A derrotada nas eleições à presidência dos EUA em 2016, Hillary Clinton, teve alguns de seus e-mail revelados. Dentre os quais, foi possível ver que a fundação de sua família, a Clinton Foundation, ofereceu um jantar a diversos líderes mundiais. Dentre os convidados estava o presidente russo Vladimir Putin.

O convite veio quando ela era secretaria de Estado e tentava aproximar as relações dos Estados Unidos com a Rússia. O interessante desse caso é que um ano após o jantar, ela aprovou a venda de 20% da capacidade de urânio norte-americano para os russos. Pouco tempo depois, doadores ligados a empresa que foi vendida à Rússia contribuíram com 145 milhões de dólares a Fundação Clinton.

A informação é do Daily Wire.


Um comentário:

  1. Os Esquerdista utilizam a mesma máxima de Lenin:
    Acuse-os do que você faz, Xingue-os do que você é.

    ResponderExcluir

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

http://www.ocongressista.com.br/