Expresso News

[expresso-news] [twocolumns]

Colunistas

[colunistas][bleft]

Entrevistas

[entrevistas] [twocolumns]

Economia

[economia] [bsummary]

A verdade liberta

Por Ana Zanatta

Dizem que para reconhecermos uma nota de dólar falsa é preciso conhecermos bem as verdadeiras. Saber que o resultado de uma operação matemática está errado é muito diferente de conhecer a resposta correta. No livro “A Arte da Guerra”, Sun Tzu fala da importância em conhecermos bem o inimigo. Mas muitos esquecem de ler a parte do livro que fala em traçar estratégias e saber quais são seus próprios pontos fracos e pontos fortes também.

Muitas pessoas focam os esforços de suas palavras e ações em refutar, criticar e ridicularizar a esquerda política. Essas pessoas até podem fazer parte de um movimento anti-esquerda, mas não fazem parte da direita política. Apenas se revoltar por ter sido enganado por professores progressistas e pela imprensa comprada sem conhecer uma maneira de fazer as coisas certas vai lhe custar muitas batalhas. Falar que um jogador de futebol é um perna de pau é fácil, jogar melhor que ele quase nunca é.


Você não é um ser iluminado. Não é o primeiro a descobrir que o socialismo não funciona. Muitos vieram antes de você. Muitas pessoas entendiam de política e economia antes mesmo do primeiro socialista nascer. Antes de querer provar que o outro está mentindo, prove que você fala a verdade. Mas para falar a verdade é preciso conhecê-la antes.

Não adianta rir dos militontos que defendem Marx sem nunca terem lido sua obra se você também não leu Locke, Smith, Burke e Tocqueville. Não repita aos quatro ventos que a máquina pública está inchada e que há muita corrupção no país se você não tem um plano para que isso acabe. Também não vale responder que não é sua responsabilidade ou que o mercado vai encontrar um jeito de resolver isso. Se preocupe mais em conhecer a verdade que em apenas chamar os que mentem de mentirosos.

Se preocupe mais em defender a liberdade que em apenas acusar os que escravizam. A teoria e a internet podem ser confortáveis, mas a realidade é dura. Falar mal de políticos que se elegem falando mal dos outros candidatos não vai impedir que eles sejam votados. Falar mal de políticos que fazem promessas incumpríveis também não vai impedir que eles sejam votados.

Uma criança que nem aprendeu a falar direito sabe reclamar quando a comida está com muito ou pouco sal. Mas as consequências de deixar essa mesma criança cozinhando não são animadoras. Você descobriu ontem que as bruxas existem e hoje se acha na missão de denunciá-las. Parabéns. Mas arrancar as ervas daninhas não significa que flores nascerão por acaso no mesmo lugar. Alguém precisa plantar as sementes e mudas boas também. Queime o joio, mas plante o trigo também.

Nenhum comentário:

Os comentários ofensivos e anônimos serão apagados. Daremos espaço à livre manifestação para qualquer pessoa desde que não falte com o respeito aos que pensam diferente.

http://www.ocongressista.com.br/